Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

D r e a m F a c t o r y

D r e a m F a c t o r y

O teu Cérebro bate forte?

Acredito que muitas pessoas racionalizam demasiado.

É uma das forma que encontram para se protegerem dos combates que a vida lhes vai atirando.

É como que uma espécie de anestesia que permite funcionar e até perserverar mas que adormece os sentidos e sentimentos.

Nada é suficientemente bom, tanto a alegria como a tristeza são moderadas. Os dias são assim assim. Os sucessos não são verdadeiramente festejados, mas por outro lado os insucessos também são apenas parte do caminho.

Poucas vezes sentem o coração bater sem filtro, poucas vezes se riem até chorar, poucas vezes deixam verdadeiramente alguém entrar.

Foram as muralhas que precisaram de erguer quando o chão lhes faltou e agora que essas mesmas paredes, em vez de protegerem, isolam, e por vezes não sabem como as derrubar.

O desafio para esta semana que se aproxima é, nestes momentos em que os muros se erguem, contrariar, baixar um pouco a guarda, oferecer um pouco mais de si, conversar com alguém que não se conhece ou mesmo abrir o coração a  alguém com estamos muitas vezes. Mostrar um pouco mais do que estamos a sentir, sorrir mais, sentir mais, fazer pelo menos uma coisa que te faz feliz mesmo que pequenina, porque o momento é mesmo este.

O tempo é agora...que o teu cérebro dance sempre a música do bater do teu coração.

 

passaros.jpg